AddThis

Share |

quarta-feira, 11 de março de 2009

Cerâmica Tradicional da Jamaica

Há, sim uma tradição de cerâmica na Jamaica, que remonta aos tempos pré-colombianos. O fazer cerâmico se originou nessa região com os seus primeiros habitantes, os Arawaks, que foram dizimados pelo colonialismo espanhol.
Eles faziam panelas, tigelas, objetos decorativos e imagens religiosas.
Mas foi a influência dos africanos, trazidos à Jamaica no tempo da escravidão, que consolidou o que conhecemos hoje como a cerâmica jamaicana tradicional.

As técnicas da África Ocidental, de começar o pote num "keke" (base côncava), aplicação de engobes, construção das paredes do pote, e queima na fogueira, continuam a ser utilizadas por um grupo de ceramistas jamaicanos.

Acima: a ceramista faz o fundo do pote modelando a argila na mão.

Este é um processo manual no qual ela usa o dedo para manter a altura da borda uniforme.

Acabamento: umas marcas de unha como assinatura.


Os potes já secos são queimados numa fogueira com lenha.
Fonte: Ceramics Monthly Magazine, dez. 1999

Um comentário:

Anônimo disse...

Vocês podiam fazer uma postagem sobre cerâmica africana.